Xtratime Community banner

1 - 6 of 6 Posts

·
Registered
Joined
·
2,754 Posts
Discussion Starter #1 (Edited)
For me it is nothing new, being a follower of Rivaldo in Bunyodkor, Uzbequistan.
Not only coaches, players also played an important roll in the ACL last year, i aspecially remember Denilson of the corean team that won the champions league of Asia last year. Rivaldo saw him, spoke with the management of Bunyodkor and this Denilson is now in Bunyodkor. Needless to say that the Arab teams from Saudia, Emirates, Dubay etc. are full of Brasilians, some of them really good

But why listen to me, here is the Globo article in full, from which i stole the title, it is far above my average Portugues
Quote
Dos 32 clubes que começam a disputar a competição nesta terça, sete estão sob o comando de técnicos tupiniquins

Marcos Felipe
Rio de Janeiro

Enquanto na Europa os técnicos brasileiros não conseguem fazer muito sucesso, na Ásia a história é completamente diferente. A constatação vem pela enxurrada de “professores” tupiniquins na Liga dos Campeões da Ásia, torneio interclubes com início marcado para esta terça-feira. Ao todo, são sete treinadores brasileiros, entre eles, nomes prestigiados como Felipão, penta com a seleção em 2002, e Abel Braga, campeão mundial com o Inter em 2006 (confira abaixo a lista).

Os sete treinadores brasileiros na Liga dos Campeões da Ásia:
Abel Braga (Al Jazira-QAT),
Sergio Farias (Al Ahli-ARA),
Caio Junior (Al Gharafa-QAT),
Felipão (Bunyodkor-UZB),
Oswaldo de Oliveira (Kashima-JAP),
Waldemar Lemos (Pohang-COR) ,
Cerezo (Al Ain-EMI)

Outra prova desse moral está no Pohang Steelers. Atual vencedor da competição, que dá uma vaga para no Mundial de Clubes da Fifa no fim do ano e é disputada nos moldes da Champions europeia (os 32 participantes, de dez países diferentes, são divididos em oito grupos, com os dois primeiros se garantindo nas oitavas de final), o time sul-coreano perdeu Sergio Farias, que foi para o Al Ahli-ARA, mas trouxe outro brasileiro: Waldemar Lemos, ex-Flamengo e Figueirense.

Essa alta quantidade de técnicos “made in Brazil” é vista com orgulho, mas também considerada perigosa.

- Realmente dificulta, porque os treinadores do golfo usam sempre os mesmos esquemas e fica fácil anular esses times. Já os brasileiros variam bastante – afirmou Abel Braga, por e-mail, ao GLOBOESPORTE.COM, que, terá pela frente dois compatriotas na primeira fase do torneio: Caio Junior, que dirige o Al Gharafa, do Qatar, e Sergio Farias, do Al Ahli.

Oswaldo de Oliveira, tricampeão japonês com o Kashima Antlers, destaca as dificuldades da Champions asiática e suas similaridades com o torneio homônimo disputado na Europa

- A semelhança é que essa é também uma competição continental e disputada nos mesmos moldes. Nunca disputei uma Liga dos Campeões da Uefa, mas sei que é muito difícil e reúne grandes clubes. Essa competição na Ásia também não é fácil e sei disso porque disputei com o Kashima nos últimos dois anos - ressaltou o ex-treinador do Corinthians.

Felipão, que já teve a chance de participar de uma Liga dos Campeões da Europa à frente do Chelsea, enalteceu a competição asiática.

- Este é o campeonato que motiva o futebol asiático e na qual os clubes direcionam a maioria de seus investimentos. Então os torcedores, a cidade e os clubes se preparam para este primeiro jogo como se fosse um dos maiores do ano - disse Scolari.

Prêmios altos para os times do Oriente Médio

Além da vaga no Mundial de Clubes, a conquista da Liga pode render lucros para os técnicos, principalmente aos que trabalham em equipes do Oriente Médio.

- Os clubes do Qatar ainda não conseguiram projeção no futebol asiático, por isso, os prêmios, que já são ótimos em torneios nacionais, devem ser melhores ainda na Ásia – ressaltou Caio Junior, que tem sob o seu comando jogadores brasileiros como Juninho Pernambucano e Araújo.

E falando em atletas tupiniquins, Abel Braga, que tem o ex-colorado Rafael Sobis no elenco do seu Al Jazira, destacou outros nomes que podem brilhar no torneio.

- O Fernando Baiano está muito bem no Al Whada. O Sobis está voltando ao melhor futebol. Tem também o Thiago Neves que está arrebentando na Arábia, além do Emerson (Ex-Flamengo), no Al Ain – disse.

Disputada desde 2003 sob o nome da Liga dos Campeões da Ásia, a competição dá ao vencedor um prêmio de U$S 1,5 milhão. Além do Pohang, atual campeão, já conquistaram os seguintes clubes: Al Ittihad-ARA (duas vezes), Gamba Osaka-JAP, Urawa Red Diamonds -JAP, Jeonbuk –COR e Al Ain-EMI.

Confira os jogos da primeira rodada

Grupo A

Al Jazira-EMI x Al Gharafa-QAT
Al Ahli-ARA- x Esteghlal-IRN

Grupo B

Bunyodkor-UZB x Al-Ittihad-ARA
Zobahan-IRN x Al Wahda-EMI

Grupo C

Al Ain-EMI x Pakhtakor-UZB
Al Shabab-EMI x Sepahan-IRN

Grupo D

Al Sadd-QAT x Al Hilal-ARA
Mes Krman-IRN x Al Ahli-EMI

Grupo E

Seongnam Ilhwa-COR x Kawasaki Frontale-JAP
Beijing Guoan-CHI x Melbourne Victory-AUS

Grupo F

Kashima Antlers-JAP x Changchun Yatai-CHI
Persipura-IDO x Jeonbuk-COR

Grupo G

Suwon-COR x Gamba Osaka-JAP
Henan Jianye-CHI x Singapore Armed Forces-SIN

Grupo H

Adelaide United-AUS x Pohang Steelers-COR
Sanfrecce Hiroshima-JAP x Shandong Luneng-CHI

Unquote
++++++++++++++

In the first round that was played after the date of the publication of the article, Bunyodkor bet Al ittihad 3:0 with goal of Rivaldo in the 3rd minute, and one of the a/m Denilsen,( nothing to do with Denilsen from the 2002 mundial)



Rivaldo's goal.the arab comentator is Rivaldo fan, it seems, he was very exited although he was from the TV station of the rival
[tub]Guq915uyX3Q[/tub]
Denilsen is the bald one who colaborates in the lance

Here is his goal too
[tub]Ra2KzhDgQ_8[/tub]

All the results are always in livescore.net , Just click on "Asia"
+++++++

Related links

http://globoesporte.globo.com/Esportes/Noticias/Futebol/0,,MUL1495759-9842,00-ARAUJO+MARCA+AL+GHARAFA+BATE+UMM+SALAL+E+SE+ISOLA+NA+LIDERANCA+NO+QATAR.html
Araújo marca, Al Gharafa bate Umm Salal e se isola na liderança no Qatar
http://globoesporte.globo.com/Esportes/Noticias/Futebol/0,,MUL1488784-9842,00-PEDRAO+E+RENATO+ABREU+MARCAM+E+TIME+DE+BONAMIGO+VENCE+NOS+EMIRADOS+ARABES.html
Pedrão e Renato Abreu marcam, e time de Bonamigo vence nos Emirados Árabes

About Thiago Neves please look up the relevant thread
 

·
Registered
Joined
·
2,754 Posts
Discussion Starter #2
Here is another article which report of the results of the first bround, Felipao and Rivaldo get the title of course, Globo is following Scolari and Rivaldo in Uzbequistan regularily

http://globoesporte.globo.com/Esportes/Noticias/Futebol/0,,MUL1502320-9842,00.html

In this article all the results of the first round are commented with emphsize on the Brazilian point of vie
You can see the goals of Bunyodkor in a much better quality, BTW
Another site , Brasil mundial FC brings all the videos of the Brazilians including one from Iran

The title is:

Torneio asiático tem brilho do velho Rivaldo e golaço brasuca no Irã

link

http://colunas.globoesporte.com/brasilmundialfc/2010/02/23/torneio-asiatico-tem-brilho-do-velho-rivaldo-e-golaco-brasuca-no-ira/

I would be much obliged if somebody explain tome, the ignorant, how to put the link with a text for linking, it wouold be much easire to follow..

BTW, this site , Brasil Mundial fc is recommended to follow, always interesting material on the Brazilian around the world, and many promotions where you can win autographed shirts, ect.
 

·
Registered
Joined
·
2,754 Posts
Discussion Starter #3
The Asian CL continue with Brazil colours

Yesterday was the day of the groups A,C,E, and G

Some Brazilians scored a nd help their teams to win, TOday play the other groups, Bunyodkor fo Rivaldo and Felipao is in the exotic toun of Ispahan in Iran when they are playing today against the local team Zob Ahan(|Vice lider na liga de Iran)



Here is the Globo report on the Brazilians in Asia CL


Liga dos Campeões da Ásia: ‘Sheik’ e ex-santista marcam na rodada desta terça
================
Al Ain, do ex-rubro-negro Emerson, derrota em casa o Al Shabab. Kawasaki Frontale, de Renatinho, bate o Melbourne Victory

GLOBOESPORTE.COM Dubai

Com direito a um gol ex-rubro-negro Emerson, o Al Ain, dos Emirados Árabes, venceu o Al Shabab, da Arábia Saudita, por 2 a 1, em jogo válido pela terceira rodada do Grupo C da Liga dos Campeões da Ásia.

Apelidado de “Sheik” nos tempos de Flamengo, o brasileiro abriu o placar para o Al Ain aos 15 minutos do primeiro tempo da partida realizada no Sheikh Khalifa International Stadium, nos Emirados. O argentino Sand, aos 24, ampliou para a equipe da casa, cujo técnico é o ex-jogador da seleção Toninho Cerezo. Saran descontou para os visitantes.

Com o triunfo, o Al Ain deixou o último lugar da chave e pulou para o terceiro posto com quatro pontos, mesmo número do Al Shabab, que conta com o ex-botafoguense Camacho em seu elenco, está sem segundo graças aos critérios de desempate. O líder é o Pakhtakor, do Uzbequistão, que, também nesta terça-feira, derrotou o Sepahan, do Irã, por 2 a 1.

Em confronto do Grupo E, o Kawasaki Frontale, do Japão, goleou o Melbourne Victory por 4 a 0, chegou aos três pontos passou a lanterna para a equipe australiana, que ainda não somou pontos na competição. O ex-santista Renatinho deixou sua marca no triunfo nipônico. Em outro jogo da chave, o Seongnam-COR derrotou o Beijing Guoan-CHI por 3 a 1 e segue na liderança isolada com nove pontos. Os chineses vêm logo atrás, com seis.

Renatinho comemora gol do Kawasaki

Al Gharafa perde. Victor Simões marca em vitória do Al Ahli
-------------------------------
Sem Juninho Pernambucano, suspenso, e ainda na ressaca pelo tricampeonato da Liga do Qatar, o Al Gharafa foi até ao Irã e acabou goleado por 3 a 0 pelo Esteghlal, em jogo válido pelo Grupo A. Com o resultado, os donos da casa assumiram a liderança com sete pontos. Já o Al Gharafa está em segundo lugar, com seis.

Pelo mesmo grupo do time de Juninho, o Al Ahli, do técnico Sergio Soares (ex-Pohang e atual campeão do torneio), goleou o Al Jazira, de Abel Braga, por 4 a 1. Os atacantes Victor Simões (ex-Botafogo) e Marcinho (ex-Atlético-PR) balançaram as redes para o Al Ahli, que está na terceira colocação com três pontos. O Al Jazira é o último, com um.

Resultados da 3ª rodada da Liga dos Campeões da Ásia

Grupo A

Esteghlal 3 x 0 Al Gharafa
Al Ahli 4 x 1 Al Jazira

Grupo C

Pakhtakor Tashkent 2 x 1 Sepahan
Al Ain 2 x 1 Al Shabab

Group E

Kawasaki Frontale 4 x 0 Melbourne Victory
Seongnam Ilhwa 3 x 1 Beijing Guoan

Group G

Singapore Armed Forces 2 x 4 Gamba Osaka
Henan Jianye 0 x 2 Suwon
 

·
Cachorro
Joined
·
18,741 Posts
Here's a question.

Should Brasil call players from Asian leagues?

I mean, players from Asian clubs generally drop out of the radar in terms of NT. That used to be justified because it used to be really difficult to keep track of Asian leagues, plus most good players only went there at the twilight of their careers (like Zico and Jorginho). But nowadays we have players like Rafael Sobis and Thiago Neves playing there - neither of whom is too old, and both have been called up before. Which brings me to my question: should Brasil start giving chances to players from the Asian Champions League? If a guy like Thiago Neves is kicking ass, should that be enough to make him an option or should what he does there be irrelevant because of the Asian leagues' level? Please note that I'm not talking about taking Thiago Neves to the WC; I'm talking about the player-selection process in general. If next year Rafael Sobis, Thiago Neves or another good player is doing well in his club, should they be given chances?
 

·
Rei Brasileiro
Joined
·
8,569 Posts
thats a great question.
I still think they shouldnt be called. I mean... its not like these players dont have top clubs looking for them. they chose to play in an easier league. that speaks a lot about their character to me. it sends me the message that "hey, I dont need to play that hard as long as Im making $$$$$$$$$$$$$" This shows a lack of ambition to me. If you dont have ambition, you shouldnt be on the NT.
 
1 - 6 of 6 Posts
Top